Archive for the ‘Windows’ Category

h1

Projeto Escola de Rede

14/12/2009

Olá Pessoal,

Vai aí vídeo de um projeto que eu participo juntamente com outro professor amigo meu, que é o Projeto Escola de Rede.

O Projeto Escola de Rede é uma ferramenta tecnológica criada para auxiliar no processo de ensino-aprendizagem dos alunos da rede pública do Estado do Paraná.

Conheça o Projeto acesse: www.escoladerede.com.br

Abraço a todos!!!

h1

Entenda a ameaça do vírus Conficker

01/04/2009

Por: MARINA LANG em colaboração para a Folha Online

O vírus Conficker, também conhecido por nomes como Downadup e Tall-Ad, está programado para um intenso ataque mundial nesta quarta-feira (1º de abril). As informações foram obtidas por especialistas a partir do “underground” da internet (fóruns nem sempre acessíveis ao internauta comum, por exemplo) e por meio de descoberta de códigos específicos.

Não há perda de arquivos, documentos ou dados, apenas roubo de senhas e contrassenhas (outra senha gerada como resposta à senha). O vírus tem a capacidade de escravizar as máquinas e torná-las “zumbis virtuais”, sem que os usuários desses computadores saibam a respeito da invasão. Ou seja, computadores afetados passam a ser controlados por uma rede que usa essas máquinas para sobrecarregar sites (com milhares de acessos simultâneos) a fim de derrubar páginas e interromper servidores.

Microsoft anunciou recompensa de US$ 250 mil por denúncia sobre Conficker

O que muda amanhã, na opinião do analista Eduardo Godinho, da empresa de segurança na internet TrendMicro, é que haverá um intenso acesso a 50 mil sites, feito por um número estimado de 50 milhões de computadores.

Os sites mais visados são de gigantes da informática –Microsoft, IBM, Dell, por exemplo– e os governamentais (como o da Casa Branca e o Pentágono, ambos dos EUA). A lista completa, no entanto, não é exata. Apesar disso, Godinho minimiza o impacto que o Conficker terá amanhã.

“Esse vírus já foi o motivo de muita dor de cabeça, reportagens de jornais e, devido a isso, não deverá ter tanto impacto quanto o calculado”, afirma. “As pessoas e empresas já estão se preparando.”

“Tradicionalmente, o que ele faz é tentar se infiltrar em todas as máquinas da rede que não possuam o pacote da Microsoft para causar lentidão na conexão das empresas. Nesta quarta, a forma de trabalho do vírus muda, e passa à superlotação de acessos em sites”, explica.

“O fundamental para o usuário comum é ter atualizações do Windows Update em dia, especificamente o pacote de atualização MS08-067. Se o usuário não o tiver, as chances de infecção são grandes”, orienta.

Godinho recomenda também duas ferramentas de limpeza em relação ao Conficker: uma que possibilita a identificação e impedimento dos ataques, caso eles estejam partindo do usuário sem que saiba, e a ferramenta de limpeza da máquina, caso haja infecção pelo Conficker. Ambas são gratuitas.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/folha/informatica/ult124u543450.shtml

h1

Servidor de Impressão com Servidor de Scanner utilizando multifuncional

15/03/2009

Servidor de Impressão com Servidor de Scanner utilizando multifuncional

Pre-requistos

Uma maquina simples (utilizei um K6-II 500 / 128Mb RAM / 40Gb dHD)
Uma disto Debian qualquer (optei pelo Kurumin Ligth, pelo tamanho da distro)
Uma impressora (no momento eu tinha uma multifuncional HP-OfficeJet-3015)
Internet (muito importante! :D)
Um pouco de paciência! 🙂

Primeiro passo instale e configure a distro na maquina que será o seu servidor de impressão, esse artigo não é voltado para a instalação do linux, então vou presupor que você sabe fazer isso, mas caso você não saiba fazer isso utilize o LiveCD que você possivelmente não terá problemas com a instalação do KURUMIN LIGTH

Instalando os itens para o servidor de impressão:
# HPLIP;
# CUPS;
Sempre utilize as versões mais atualizadas!

Para intalar o HPLIP utilize o seguinte comando:
# apt-get install hplip

Para intalar o CUPS utilize o seguinte comando:
# apt-get install cupsys

Agora voce deve configurar a impressora utilizando o sistema da HP instalado com através do HPLIP, ele deve trocar informações com o servidor CUPS diretamente.
clique em MENU > ??? > HPLIP

*configure a impressora com o driver existente do HPLIP

As configurações feitas atravez do HPLIP, tambem apareceram com painel do CUPS, para conferir, depois de configurar a sua impressara, acesse o endereço http://127.0.0.1:631 essa é a página do servidor CUPS.

Para configurar a impressora nas estações (windows), vá em:
Iniciar > Configurações > Impressoras e aparelhos de fax
Clique em Adicionar uma impressora;
Clique em Avança na primeira tela
Na segunda tela selecione a opção: Uma impressora em rede um conectada em outro computador, e clique em avançar;
Na quarta tela selecione a opção: Conectar-se a uma impressora na Internet ou em uma rede doméstica ou no escritório, e no campo desta opção coloque o seguinte endereço, http://IP_DO_SERVIDOR_DE_IMPRESSAO/printers/NOME_DA_IMPRESSORA , e clique em avançar;
Na próxima tela configure o driver da impressora e conclua  a instalação.

Pronto agora o seu servidor já podera ser utilizado para impressões, mas ainda falta a parte de compartilhamento do scanner.

Para a proxíma fase vamos utilizar os seguintes sistemas:

# sane
# xsane

Para intalar o SANE utilize o seguinte comando:
# apt-get install sane

Para intalar o XSANE utilize o seguinte comando:
# apt-get install xsane

Ainda não acabou, temos que comfigurar o serviço de sane (saned) para que esse fique trabalhando, ou seja, escutando a porta 6566/tcp. Então vamos lá:

Verifique a configuração da porta 6656/tcp do serviço SANE no arquivo /etc/services :

# cat etc/services | grep sane

sane-port       6566/tcp   sane saned     # SANE Control

Agora confira o  arquivo /etc/inetd.d/sane-port (serviço inetd) existe, caso não exista crie o arquivo como seguinte comando:

# touch /etc/inetd.d/sane-port

Edite o arquivo e insira o seguinte conteúdo:

service sane-port
{
socket_type = stream
port        = 6566
wait        = no
user        = root
group       = root
server      = /usr/sbin/saned
disable     = no
}

Esse arquivo serve para escutar a porta do serviço sane e iniciar o binário saned ao receber uma solicitação via rede, então verifique se está tudo OK, com o seguinte comando:

# cat /etc/inetd.d/sane-port

Um arquivo muito importante é o “/etc/sane.d/saned.conf” cujo conteúdo contém as máquinas autorizadas a usar o scanner via rede.
Edite o arquivo /etc/sane.d/saned.conf e coloque a suas configurações, no nosso exemplo, autorizamos qualquer máquina da rede interna 192.168.0.0/24 e o próprio servidor 127.0.0.0/8.
Decomente a seguite linha:
# scan-client.somedomain.firm

E no final do arquivo adicione os IPs autorizados
192.168.0.0/24
127.0.0.0/8

Agora estamos quase terminando, UFA!!!!

Edite o arquivo /etc/inetd.conf e acrescente:

sane stream tcp nowait root /usr/sbin/tcpd /usr/sbin/saned

E reinicie o serviço do inet:

service inet stop

service inet start

*OBS: Para que o serviço inet seja sempre iniciado no boot devemos executar o seguinte comando:
# chkconfig inet on

Por último, teste o scanner no modo console com o comando scanimage como no exemplo abaixo.

$ scanimage -d NOME_DO_SCANNER –format tiff > image.tif

Pronto para o servidor acabou!  \o/

Agora nas estações windows basta instalar o programa de captura de imagem, então lá vai:
– instale o programa SaneTwain, um aplicativo responsável pela comunicação com o Sane via TCP/IP . Ou seja cria uma camada de abstração para a API Twain do Windows. Antes de iniciarmos os testes, o programa pode ser adquirido nos links abaixo:

http://sanetwain.ozuzo.net/sanetwain127.zip
http://sanetwain.ozuzo.net/sanetwain128rc3.zip
http://sanetwain.ozuzo.net/setup127.exe

Agora basta fazer as configurações no programa SaneTwain, para começar abra o programa e clique no icone de configurações e no campo do IP coloque o IP do servidor Linux que você configurou, na porta deixe o numero 6566 e no usuário coloque root.

Pronto agora basta clicar em preview, para visualizar o item scanneado.

Então pessoal espero que esse artigo ajudo aos leitores que precisem.

Abraço a todos e até a próxima.

Fontes:
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/SANE-Compartilhe-seu-scanner-na-rede?pagina=1
http://augustocampos.net/revista-do-linux/034/tutorial_sane.html
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Instalando-impressoras-HP?pagina=3
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Instalando-impressoras-HP
http://www.forumdebian.com.br/forum/viewtopic.php?f=4&t=3856

h1

Windows X Linux

13/02/2009

Um comparativo de alguns dos programas que rodas no windows e seu similares para Linux.

Windows X Linux
Softwares Softwares
Escritório Escritório
Microsoft Word OpenOffice Writer
Microsoft Excel OpenOffice Calc
Microsoft PowerPoint OpenOffice Impress
Microsoft Access OpenOffice Base
WordPAD Kwrite / Gwrite
Internet / Rede Internet / Rede
Microsoft FrontPage NVU / Bluefish / Quanta Plus
Internet Explorer Konqueror / Netscape /
Firefox
ICQ Licq
MSN Messenger AMSN / Mercury
Bittorrent Azureus
Getright Wget / Kget
Emule Xmule
LimeWire (Kazaa) Limewire
Winvnc RFBDrake / TightVNC
Outlook Express Mozilla Messenger /
Thunderbird
Acesso à Rede Dial UP Kppp
BlackICE Kmyfirewall / IPTables /
Nessus
Configuração Configuração
Adicionar/Remover Programas RPM / Apt Get
Painel de Controle Kcontrol / Gnome Control
Center
Ambiente Gráfico Ambiente Gráfico
Ambiente Windows KDE / Gnome / WindowsMaker
Manipuladores de Imagens Manipuladores de Imagens
Corel Draw Inkscape / Sodipodi
Adobe Photoshop The GimpShop / The Gimp
3D Studio Blender
Paint Blush KolourPaint / Kpaint
Emuladores Emuladores
Gens Gens
Zsnes Zsnes
Dos Dosbox
Stella32 Kstella
Visualizadores Visualizadores
Acrobat Reader Ghostscript / Acrobat Reader
ACDSee/IfanView GTKSee / Eletric Eyes
Audio Audio
Winamp Xmms
Windows Media Player Xine / Mplayer
RealPlayer Realplayer
Antivírus Antivírus
Norton Antivírus / AVG /
Mcafee
Rav Antivírus / Amavis /
Mcafee
Jogos Jogos
Paciência Paciência
Campo Minado Kminas
Queimadores de CD Queimadores de CD
Nero Burn Rom NeroLinux / K3B
Compactadores Compactadores
Winzip/Winrar/Winace Ark / Fileroller / Gnozip
CAD CAD
AutoCAD VariCAD / FreeCAD
Gerenciadores de Arquivos Gerenciadores de Arquivos
Windows Explorer Konqueror / Nautilus
Tradutores On Line Tradutores On Line
Babilon StarDict
Máquina Virtual Máquina Virtual
Vmware Vmware
Hardwares Hardwares
COM1 / COM2 /dev/ttyS0 / /dev/ttyS1
LPT1 / LPT2 /dev/parport / /dev/lp0
Floppy Drive ( A: ) /dev/fd0 ( /mnt/floppy )
HardDisk ( C: ) /dev/hda ( / )
CDROM Drive ( D: ) /dev/cdrom ( /mnt/cdrom )
DVDROM Drive ( E: ) /dev/dvd ( /mnt/cdrom2 )
Som ( Wav, MP3 ) /dev/dsp
Sintetizador MIDI (MIDI, MID) /dev/mixer
Mouse PS/2 /dev/psaux
Porta USB /dev/usb
Joystick /dev/js0

Fonte: http://www.linuxall.kit.net/comparacoes_lista.html

h1

Como alterar o local padrão da pasta Meus documentos

10/02/2009

Este artigo descreve como alterar o local padrão da pasta Meus documentos no Microsoft Windows XP. A pasta Meus documentos é sua própria pasta particular na qual podem ser armazenados documentos, gráficos e outros arquivos particulares. Quando existe mais de uma pessoa usando o computador, o Windows cria uma pasta Meus documentos para cada usuário no computador. Por padrão, o destino ou local real da pasta Meus documentos é C:\Documents and Settings\nome_do_usuário\Meus documentos, no qual C é a unidade na qual o Windows está instalado e nome_do_usuário é o usuário conectado atualmente. É possível alterar o destino se desejar que Meus documentos aponte para um local de pasta diferente.

Alterar o local padrão da pasta Meus documentos

loadTOCNode(2, ‘moreinformation’);
Para alterar o local padrão da pasta Meus documentos, execute as seguintes etapas:

  1. Clique em Iniciar e aponte para Meus documentos.
  2. Clique com o botão direito do mouse em Meus documentos e clique em Propriedades.
  3. Clique na guia Destino.
  4. Na caixa Destino, execute uma das seguintes ações:
    • Digite o caminho para o local da pasta que deseja e clique em OK. Por exemplo, D:\Minhas coisas.Se a pasta não existir, a caixa de diálogo Criar mensagem será exibida. Clique em Sim para criar a pasta e clique em OK.

      -ou-

    • Clique em Mover, clique na pasta na qual deseja armazenar seus documentos e em OK duas vezes.Se você precisar criar uma nova pasta, clique em Criar nova pasta. Digite um nome para a pasta e clique em OK duas vezes.
  5. Na caixa Mover documentos, clique em Sim para mover os documentos para o novo local ou clique em Não para deixá-los no local original.

Restaurar a pasta Meus documentos para seu local padrão

loadTOCNode(2, ‘moreinformation’);
Para restaurar a pasta Meus documentos para seu local padrão, execute as seguintes etapas:

  1. Clique em Iniciar e aponte para Meus documentos.
  2. Clique com o botão direito do mouse em Meus documentos e clique em Propriedades.
  3. Clique em Restaurar padrão e em OK.
  4. Na caixa Mover documentos, clique em Sim para mover os documentos para o novo local ou clique em Não para deixá-los no local original.

Remover a pasta Meus documentos do menu Iniciar

loadTOCNode(2, ‘moreinformation’);
Se você não quiser exibir Meus documentos no menu Iniciar, execute as seguintes etapas:

  1. Clique com o botão direito do mouse em Iniciar e clique em Propriedades. Ou, se o menu Iniciar já estiver em exibição, clique com o botão direito do mouse em uma área vazia do menu Iniciar e clique em Propriedades.
  2. Clique em Personalizar.
  3. Clique na guia Avançadas.
  4. Na lista Itens do menu Iniciar, em Meus documentos, clique em Não exibir esse item e em OK duas vezes.Na próxima vez que clicar em Iniciar, a pasta Meus documentos não será mais exibida no menu Iniciar.

OBSERVAÇÃO: Se você remover a pasta Meus documentos do menu Iniciar os arquivos armazenados no local de destino da pasta Meus documentos não serão removidos.

Exibir a pasta Meus documentos do menu Iniciar

loadTOCNode(2, ‘moreinformation’);
Para exibir Meus documentos no menu Iniciar, execute as seguintes etapas:

  1. Clique com o botão direito do mouse em Iniciar e clique em Propriedades. Ou, se o menu Iniciar já estiver em exibição, clique com o botão direito do mouse em uma área vazia do menu Iniciar e clique em Propriedades.
  2. Clique em Personalizar.
  3. Clique na guia Avançadas.
  4. Na lista Itens do menu Iniciar, em Meus documento, clique em Exibir como link ou Exibir como um menu e clique em OK duas vezes.Na próxima vez que clicar em Iniciar, a pasta Meus documentos não será mais exibida no menu Iniciar.

Para obter informações adicionais sobre como trabalhar com a pasta Meus documentos, clique no número abaixo para ler o artigo na Base de Dados de Conhecimento Microsoft (a página pode estar em inglês):

298399 (http://support.microsoft.com/kb/298399/PT-BR/ ) COMO: Definir a pasta Meus documentos como “Particular”

Para obter informações adicionais sobre o menu Iniciar no Windows XP, clique no número abaixo para ler o artigo na Base de Dados de Conhecimento da Microsoft (a página pode estar em inglês):

279767 (http://support.microsoft.com/kb/279767/PT-BR/ ) Descrição do menu Iniciar no Windows XP
h1

Use seu celular como modem

19/01/2009

Um video bacana que talvez seja necessário um dia ;^)

Use seu celular como modem

h1

Uma nova distro Linux parecida com Windows

19/12/2008

Nas minhas andanças pela web achei um post de um blog bem conhecido pela comunidade de tecnologia do portal IG, que fala sobre uma nova distro linux, a princípio é o que aparenta ser, que tem uma idéia muito interessante.

Essa distro se propõe a ser o mais compatível passível com o windows xp, e diz que até dá pra instalar softwares do mundo windows diretamente no sistema.

Pelo que eu pude ver, me parece que o sistema todo roda em cima do Wine do linux, mas chega de blá, blá, blá e vamos a matéria.

Segue:

Ame-o ou não, o Windows completou 25 anos ontem, dia 10 de novembro. 25 anos de “anúncio”, veja bem, porque junto com o sistema nasceu a tradição da Microsoft de furar datas de lançamento: o produto só chegou às lojas dois anos depois, em novembro de 1985. Curiosamente era a versão 1.01, o que iniciou também outra tradição: lançar correções para um produto simultâneamente com sua chegada às lojas. Neste caso, a correção já veio embutida )

Mas você sabiam que existe um outro “Windows”, que não é desenvolvido pela Microsoft, tem seu código-fonte aberto (ou seja, é “Open Source”) e é gratuito? Claro, por motivos legais ele não pode se chamar Windows já que o nome é marca registrada da Microsoft. Seu nome, portanto, é ReactOS.

A idéia do projeto é criar um sistema operacional baseado na mesma arquitetura do Windows NT (que é a base para o Windows XP), com compatibilidade com os aplicativos e drivers já existentes. O sistema ainda está em desenvolvimento, mas já roda aplicativos como o Firefox e OpenOffice.org, por exemplo, e até mesmo alguns games como a primeira versão de Unreal Tournament, embora a compatibilidade no geral ainda seja limitada. O site tem um “guia de compatibilidade” que lista os aplicativos testados pelos usuários e dá notas (de 1 a 5) de acordo com o quão bem eles rodam.

O ReactOS ainda está na versão 0.3.7, um alpha, ou seja, com recursos incompletos e não pronto para uso no dia-a-dia. No site, é possível baixar um LiveCD (para rodar o sistema direto de um CD sem instalar nada no micro), CD de instalação (para instalar o ReactOS no PC), e imagens para rodar o sistema em uma máquina virtual (como o VMWare ou QEMU) dentro do Windows, Mac OS ou Linux, além do código fonte. Se você gosta de experimentar novidades, é um prato cheio!

ReactOS 0.3.0

E pra completar: quer ver “fotos” de todas as versões do Windows, desde a 1.01 até o Vista? Então corra para o site GUIdebook – Graphical User Interface Gallery. Além de imagens do sistema da Microsoft, você vai encontrar screenshots de praticamente todos os outros sistemas e interfaces gráficas já lançados, do OS/2 ao Mac OS X. Imperdível para quem aprecia a história da informática.

Fonte: http://colunistas.ig.com.br/tecnologia/2008/11/11/clonando-o-windows/

Bom pessoal é isso, espero que gostem. Quem sabe um dia teremos um Linux que roda o Windows  😀

Até a próxima.